Coronavírus interrompe 60 anos de homenagem ao Dia das Mães

Spread the love

Mais de 60 anos depois, isso mesmo que você leu, 60 anos depois a banda não vai tocar! Há mais de 60 anos a Lira Nossa Senhora das Dores realiza a Retreta em Homenagem ao Dia das Mães, no Espaço Cultural da Figueira Encantada, só que neste ano, em razão da pandemia de Covid-19, o novo coronavírus, os instrumentos ficaram desafinados, os microfones desligados e às mamães restaram as lembranças dos anos anteriores. Que esta pandemia sirva como reflexão, para que a Retreta do ano que vem, possa ser mais valorizada por todos, que certamente passarão a dar mais valor aos detalhes da vida, neste caso em especial, a cultura e a tradição do povo dorense!

Tinoca

Maestro Tinoca da Lira Nossa Senhora das Dores conversou com o jornalista Ricardo Arruda e comentou sobre a não realização da Retreta em homenagem ao Dia das Mães em Dores de Campos depois de 60 anos ininterruptos.

Relembre no ano de 2016, Aloísio de Assis cantando “Mãezinha Querida”

 

Ofertas do Supermercado Dorense

Ofertas da Drogaria Americana

Comentar

Seu email não será publicado. É necessário preencher os campos com * *

*