No Alto Cardoso, cantada em mulher quase termina em tragédia

Spread the love

Na tarde desta quinta-feira (27) uma mulher dorense de 23 anos de idade, casada, está acusou um mecânico de assédio e o caso não parou por aí. A mulher contou para o marido que foi conversar com o assediador e, segundo ela, o marido ainda foi esfaqueado na mão. “Passo perto da oficina mecânica dele para ir trabalhar no bairro Alto Cardoso, e do nada, ele começou a me chamar de gostosa, delícia, enfim, me constrangeu no meio da rua. Contei para o meu marido e ele foi conversar com o homem, que o atacou com uma faca”, disse a mulher. A Polícia Militar foi acionada e os cabos Petrônio e Leandro atenderam a ocorrência. O homem foi preso, assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado, mas terá que se apresentar na justiça. A suposta arma não foi localizada.  

Nota:

De acordo com o que exige a Lei de Abuso de Autoridade (Lei Nº 13. 869, de 5 de setembro de 2019), as Polícias Civil e Militar não podem mais divulgar os nomes dos envolvidos nas ocorrências.

Comentar

Seu email não será publicado. É necessário preencher os campos com * *

*