Ministério Público suspendeu a vinda da Banca do Detran em Dores

Spread the love

O serviço de exames de direção, última etapa do processo de habilitação de novos condutores, e as provas de legislação, as chamadas provas teóricas, estão suspensos em Dores de Campos a partir desta quarta-feira (14/06), quando foi realizada a última Banca Examinadora do DETRAN/MG.

De acordo com informações apuradas pela nossa reportagem, o Ministério Público de Minas Gerais impetrou uma ação contra os agentes estaduais, que hoje ocupam duas funções: Examinadores de trânsito e investigadores da Polícia Civil.

No entendimento do MP, estes agentes, atuando nas duas frentes, vão contra uma Lei do ano de 1998, que proíbe exercer a função de examinador e investigador no mesmo horário de expediente. Ou seja, os examinadores estão proibidos de avaliar os alunos dentro do horário que teriam que estar exercendo o trabalho de investigação.

Até então a exigência não havia chegado as auto escolas da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil com sede em São João del Rei. A partir do dia 3 de Julho (segunda-feira), os exames serão realizados todos os dias da semana, sempre das seis e meia às oito e meia da manhã, somente em São João Del Rei. A partir das 9 horas da manhã, os profissionais examinadores irão se apresentar nas delegacias para exercerem as funções de investigadores.

Decisão é para todas as cidades da região de Dores de Campos

A decisão, de acordo o responsável pela Auto Escola Siga Bem, Juliano Alex Batista, é válida para Dores de Campos e todos os outros municípios da região, como Barroso, Prados e Lagoa Dourada, por exemplo. Ainda segundo ele, o transporte dos alunos será organizado pela própria Auto Escola, como acontecia em anos anteriores.

Ofertas do Supermercado Dorense

Ofertas da Drogaria Americana

Comentar

Seu email não será publicado. É necessário preencher os campos com * *

*