Barroso tem Pacote milionário em razão dos impactos da pandemia

Spread the love

Considerando o momento de gravidade ocasionado pela pandemia da COVID-19 e seus impactos na saúde, economia e, consequentemente, na área social de Barroso, o Governo Municipal criou um Plano com uma série de ações que vão amenizar todos estes impactos de forma efetiva, o Retoma Barroso que vai investir cerca de R$ 1,5 milhão nos próximos três meses. As propostas passam por cada um dos setores atingidos pela pandemia, como apoio ao Hospital de Barroso, as famílias mais carentes, aos comércios e serviços da cidade e aos alunos da Rede Municipal de Educação.

Uma das ações é o “Auxílio Municipal Emergencial”uma ajuda financeira direta para a população em situação de desemprego e vulnerabilidade social agravada pela pandemia. Serão até 400 famílias atendidas, que receberão três parcelas mensais de R$ 200,00 com critérios sociais. Com esta ação, além de auxiliar as famílias carentes, a prefeitura vai fomentar a economia de Barroso. Os beneficiários selecionados pelos critérios sociais receberão um cartão para que o benefício possa ser utilizado no comércio e prestadores de serviços local. Nesta ação serão investidos até R$ 240 mil que serão injetados na economia local através do consumo das famílias pelo Auxílio.

Outro apoio direto a economia de Barroso será o “adiantamento do 13º salário” dos servidores efetivos, inativos e pensionistas da Prefeitura Municipal de Barroso, com estimativa de injeção de R$ 585 mil na economia local e previsão de pagamento para o mês de maio. O Retoma Barroso contará ainda com outra importante ação que chegará a crianças barrosenses. A distribuição do “Kit Alimentação Escolar” levará merenda até 1.682 alunos da Rede Municipal de Ensino que estão em ensino remoto. Serão até quatro cestas por aluno no ano, duas no primeiro semestre e 2 no segundo semestre, caso as aulas presenciais não retornem. Cerca de 60% dos produtos das cestas serão fornecidos pela Agricultura Familiar, inclusive o leite, levando recursos e apoio também para o campo. No total serão R$ 415.128,00 investidos em alimentação.

O Hospital Prefeito Macedo Couto não foi esquecido dentro deste abrangente Plano de amenização dos impactos da COVID. Para apoiar na contratação e pagamento de profissionais de saúde, serão transferidos R$ 200 mil, dos quais, R$ 100 mil foram devolvidos antecipadamente pela Câmara Municipal de Barroso. Com o recurso será possível a contratação de até dois enfermeiros, 5 técnicos e um importante incentivo para os médicos da linha de frente.

Todas as medidas compostas no Retoma Barroso estão em um projeto de Lei que será encaminhado para a Câmara Municipal. Se aprovado, as ações do Programa terão cronograma e diretrizes divulgadas para a toda a população. “Neste momento de crise em diversas áreas, construímos um plano que chega a todos os setores, com responsabilidade fiscal e social. Promovendo proteção social, estímulo econômico e valorização do nosso querido Hospital. Mesmo com orçamento limitado, poucos recursos, nosso foco é salvar vidas” destacou o prefeito Anderson de Paula (DEM) ao lado do vice-prefeito Eduardo Pinto (Cidadania) e do presidente da Câmara, vereador Luzinho Moreira (PP).

Comentar

Seu email não será publicado. É necessário preencher os campos com * *

*